COMO CHEGUEI ATÉ AQUI

Uma Cuidadora que já foi muito Cuidada – A Transformação é o meu Propósito

 

 

Quando encarnei para a minha missão nessa vida, escolhi um família amorosa e muito acolhedora, justamente o ambiente inicial que precisava vivenciar para começar a nova jornada. Cresci alegre e independente, gostava de fazer coisas novas, principalmente quando nunca ninguém havia tentado eu ia lá me arriscar. Me interessava muito saber sobre a vida, sobre a natureza e, principalmente, se as pessoas que estavam em volta de mim eram felizes.

 

Das lembranças mais profundas que tenho, todas se remetem a sensações e preocupações sobre a condição de vida das pessoas: sempre me encantaram as histórias de personagens livres e inteiros naquilo que gostavam de fazer.

 

Busquei minha independência precocemente- saí de casa para fazer faculdade aos 16 anos, e confesso que a principal motivação aqui era, justamente, para que eu pudesse ter o domínio sobre o meu dia. Por mais carinhosos e atenciosos que meus pais fossem, eu tinha um grande chamado interno que pedia liberdade. Minha ansiedade com relação a isso fez com que eu desse várias cabeçadas na vida: minha primeira faculdade foi de Engenharia da Computação (sim, escolhi o curso a partir daquela cultura de que era preciso fazer os cursos cujas profissões estavam em alta).

 

A Unicamp foi um marco para aquela menina do interior que nunca tinha saído de casa. Conheci novas culturas, pessoas de diferentes lugares do Brasil e do Mundo e, aos poucos, fui procurando me encontrar na Formação. Abandonei a Ciência da Computação, tentei fazer o Marketing na PUCC e depois me achei na Faculdade de Economia – foi fascinante estudar e entender a História Socia-Econômica das Nações.

 

Ao me formar, me deparei com o meu primeiro dilema – estávamos na época onde começaram os programas de Trainees oferecidos pelas Multinacionais. Fui para o processo de seleção de várias empresas, mas algo começou a me incomodar bastante – não me via trabalhando para instituições cujos produtos ou serviços iam contra aquilo que acreditava.

 

Minha carreira corporativa começou em um grande grupo nacional do ramo de gás / petróleo, depois entrei para o segmento de TI e Telecom, onde passei mais de 10 anos em diferentes posições. A vida corporativa me estimulava a querer continuar crescendo. Assumi cargos de gerência e comecei a tomar conta de pessoas – foi aí que a mudança se iniciou.

 

Mesmo com boas avaliações e perspectivas de crescimento dentro das empresas que trabalhava, havia uma frustração muito grande em ver as pessoas que faziam parte do meu time insatisfeitas. Isso passou a me incomodar muito, e então comecei a procurar formações alternativas para que pudesse me entender melhor e ajudar minha equipe.

 

Veio o 11 de Setembro e com ele uma grande mudança no meu coração – a essa altura do campeonato, eu já tinha trocado a vida executiva em uma Multinacional Argentina por uma vida de pesquisadora em uma Empresa Americana menor, onde o meu dia-a-dia seria menos estressante. Mesmo com essa mudança de qualidade de vida, continuava tendo pessoas frustradas e infelizes ao meu redor.

 

A queda das Torres Gêmeas me levou a outra mudança radical: pedi para deixar o cargo de gerente da área para voltar a ser uma analista de mercado – a razão por trás dessa decisão? Queria estudar Psicologia. E fui isso que fiz. Paralelamente mergulhei em outros cursos na área, pois já estava claro pra mim que minha missão seria cuidar das pessoas (e não dos resultados das empresas):

 

Fiz especialização em Anatomia Emocional de Stanley Keleman, o que me deu outra visão sobre as formas e as emoções através da visão formativa com a profunda orientação de Regina Favre. Mergulhei nas energias corporais e fiz a formação em Massagem Psicossomática e a Terapia Energética de Cura – e esse foi um momento onde comecei a fazer as conexões entre corpo, mente e energia. A Numerologia veio para coroar esse momento, me mostrando como identificar e entender os padrões de vibração de cada pessoa – e essa ferramenta vem sendo usada por mim desde então (são mais de 15 anos!)

 

O esporte até então sempre este presente na minha vida. Além das deliciosas brincadeiras de rua (pique esconde, pega-pega, queimada, taco), joguei volley, tênis, basquete e nadei também. Sempre tive muita coordenação motora e controle corporal. Minhas maiores paixões até a adolescência foram a dança contemporânea e o Jazz.  Até os 31 anos tinha muita energia acumulada no meu corpo, e o triatlo fez parte da minha rotina por alguns  anos (de 1997 a 2000) e depois saí do esporte individual e fui para uma das experiências mais incríveis da minha vida: a corrida de aventura.

 

Ao estudar sobre o comportamento humano e a relação com o corpo, não pude deixar de analisar as minhas vivências no esporte e do atletas que me chamavam a atenção.

 

Ao me formar em Psicologia, sabei que não seria uma Psicóloga tradicional, pois o viés corporal e energético tinham ganhado força e forma para o que eu desejava desenvolver. Comecei a trabalhar em estúdios de Funcional (Centro Articular e Força Dinâmica) e ali aprendi mais coisas voltadas à aplicação da força e a estrutura corporal... Puxa, quantas pessoas maravilhosas apareceram no meu caminho.

 

Porém, a vida pediu uma pausa – conheci meu parceiro de vida e mudei tudo. Fechei o consultório em São Paulo e me mudei para Itu. Deixei os atendimentos e virei organizadora de eventos e cursos de bike. Foram 8 anos intensos onde aprendi mais coisas novas: sobre poder, sobre excessos vibracionais, sobre o esporte e a capacidade dele gerar transformações positivas ou negativas nas pessoas. Foi um laboratório a céu aberto. A Numerologia continuou a fazer parte do meu dia-a-dia e aprofundei estudos sobre as intensidades vibracionais e suas possíveis consequencias: acidentes, lesões, depressão, crises de ansiedade, etc.

 

Era o meu período de aprendizagem para que eu conseguisse entender o meu Papel no Mundo. Passei por inúmeros desafios e amadureci ainda mais. O principal aprendizado veio justamente para que eu entendesse o meu lugar dentro do mundo dos terapeutas:  depois de tantos tombos, projetos que não vingaram, perdas duras e profundas, a vida me ajudou a enxergar o que realmente me dá prazer – Ajudar Pessoas em seus processos de transformação, de mudança.

 

 

Para a maioria das pessoas, mudar é difícil... Aparecem inúmeros bloqueios, desvios de caminho que afastam os indivíduos das transformações que precisam passar para evoluir. A vida me ensinou a entender que cada pessoa é única nos seus desafios evolutivos – alguns trazem cargas energéticas negativas (dívidas cármicas) que precisam ser pagas nessa vida; outras trazem cargas positivas (Números Mestres) que vão auxiliar nas suas ações para que cumpram tarefas mais desafiadoras.

 

 

Trazer para o nível da consciência esses padrões e o que precisa ser feito é o meu Propósito. Atualmente trabalho com ferramentas terapêuticas que compõem esse processo de auto-descoberta e auto-gerenciamento da energia:

 

  • Terapia Existencial – Sessões que utilizam a

    • Numerologia Cármica,

    • Numerologia Pitagórica

    • Tarô Mitológico Terapêutico para que a pessoa descubra sua essência e propósito de vida

 

  • Terapia Quântica:

    •  Barras de Access / Face Lift – Nesse processo de autodescoberta, muitas vezes a pessoa possui crenças, julgamentos, padrões de comportamento, fobias que impedem o processo evolutivo. As Barras de Access ajudam na limpeza energética desses padrões

    • Terapia Bemer – Tapete que cria um campo eletromagnético de ondas pulsadas ao redor do corpo do paciente para ativar sua microcirculação e harmonização dos seus centros energéticos (Chakras)

 

Acredito que o processo terapêutico deve ser pontual, durando o tempo específico onde o paciente se fortalece e traz para a sua consciência o seu repertório de Formas, emoções, sentimentos que vão compor a sua verdade. Com isso ele passa a autogerenciar sua vida de forma natural e intuitiva.

 

Afinal, forma, emoção e vibração são uma coisa só.

 

 

Experimente-se!

 

 

Namastê

Vanessa Bento Cabral

Terapêuta Existencial e Quantica

CRP SP 06/89659

(11) 943521818

anamitra@gpravelli.com.br